Publicado em 11/11/2019.

Por Penélope Toledo (INCQS/Fiocruz)

Imagem de Divulgação

Profissionais do Setor de Citotoxicidade e Genotoxicidade do Departamento de Farmacologia e Toxicologia (DFT) do INCQS/Fiocruz ministraram o curso de atualização Ensaio cometa para avaliação de dano ao DNA a trabalhadores de instituições públicas, na semana de 4 a 8 de novembro.

O curso foi coordenado pela farmacêutica industrial aposentada Helena Zamith e as aulas foram ministradas por ela, Taline Conde e Renata Calil Lemos.

O conteúdo programático abrangeu os princípios e aplicação do teste; equipamentos e materiais necessários; preparação da camada inferior de agarose em lâminas de microscopia; realização do ensaio por meio in vitro; preparação de suspensões de células individuais em lâminas; lise das preparações celulares; tratamento alcalino e eletroforese do DNA; avaliação microscópica do dano ao DNA e análise dos dados obtidos.

 

Sobre o tema:

O ensaio SCGE (single cell gel electrophoresis) ou ensaio ‘cometa sob condições alcalinas’ é uma técnica para avaliar danos e reparos do DNA, por meio de amostras celulares extremamente pequenas.

O ensaio Cometa tem amplas aplicações em toxicologia genética, em testes de genotoxicidade in vitro, in vivo, no biomonitoramento ambiental e no monitoramento populacional humano.