Publicado em 25/10/2019.

Por Penélope Toledo (INCQS/Fiocruz)

Fotos: Pedro Paulo Gonçalves (INCQS/ Fiocruz)

A divulgação científica ao público leigo voltou a ser foco da Fiocruz e do INCQS na 16ª edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) - Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável, realizada entre 21 a 26 de outubro, no estacionamento do Museu da Vida (e outros espaços do Rio de Janeiro). O tema abordado pelo INCQS foi A contribuição da Vigilância Sanitária para a promoção da saúde.

A exemplo do evento de vacinação Fiocruz Pra Você, em 19 de outubro, o estande do INCQS foi bem movimentado. Suas atividades foram voltadas para a alimentação saudável, como cuidados no consumo de açúcar; prevenção de doenças por meio das vacinas; uso racional de medicamentos, principalmente dos antibióticos, como forma de evitar o desenvolvimento de bactérias resistentes (não se auto-medicar, completar todo o ciclo do tratamento e seguir rigorosamente a receita médica); e conscientização para o uso de produtos clandestinos, pois estes não têm critérios de fabricação e controle da qualidade.

O público foi composto por alunos e professores de escolas do ensino Médio e Fundamental, estudantes universitários e profissionais da Fiocruz ou outras instituições de saúde.

A Semana é promovida anualmente pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e é composta por oficinas, experimentos, jogos, apresentações teatrais, exposições, rodas de conversa e outras atividades.

Sua importância, conforme explicou a coordenadora das atividades do INCQS e chefe do Departamento de Química (DQ), Adriana Sant'Ana, é levar ao público leigo as informações sobre o que se desenvolve no INCQS e na ciência e tecnologia:

“Neste diálogo com a população, explicamos sobre o desenvolvimento de produtos, vacinas e medicamentos, proporcionando conhecimentos necessários para elas cuidem de sua saúde”, definiu.

E completou:

“Além disto, o contato com a ciência e sua aplicabilidade no cotidiano é importante para despertar o tema nesta área”.

A conferência de abertura da Fiocruz na SNCT 2019 contou com a participação do médico Dráuzio Varella, em 21 de outubro, no auditório do Museu da Vida.