Publicado em 04/09/2019.

Por Penélope Toledo (INCQS/Fiocruz)

Em 4 de setembro de 1981, foi criado o INCQS/Fiocruz. O Instituto nasceu da necessidade de melhoria do controle da qualidade de insumos, produtos, ambientes e serviço sujeitos à ação da vigilância sanitária (alimentos, cosméticos, saneantes, etc), cuja produção estava em crescimento.

O INCQS é resultado da incorporação do Laboratório Central de Controle de Drogas, Medicamentos e Alimentos (LCCDMA) à Fiocruz e age em estreita cooperação com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e com secretarias estaduais e municipais de Saúde, dentre outros parceiros.

Com o tempo, a atuação do Instituto se ampliou para as áreas de ensino, por meio do Programa de Pós-Graduação e Vigilância Sanitária (PPGVS); pesquisa, editando a revista online Vigilância Sanitária em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia (Visa em Debate); e tecnologias de laboratório relativas à visa.
“A História do INCQS é muito bonita, construída com suor e dedicação por muitas pessoas que passaram pelo Instituto e outras ainda estão nele”, declarou o diretor do Instituto, Antonio Eugenio de Almeida.

 

Comemorações do 38º aniversário:

O INCQS iniciou suas comemorações do 38º aniversário em 3 de setembro, com o Visa em Foco sobre água. Na ocasião, o tema água foi abordado em diferentes perspectivas: impacto da ação humana na qualidade das águas, poluição hídrica, segurança para o consumo humano e direito à água potável e ao saneamento básico.

A festividade se prolongará até o fim desta semana, em 6 de setembro, sexta-feira, com a palestra Guimarães Rosa - saúde, território e arte: confluências às 9h, no auditório Sérgio Arouca (Av. Brasil, 4365, em frente à creche). O evento é aberto ao público geral, gratuito e não requer inscrição prévia.

Será encerrada no período da tarde, a partir das 14h, com o lançamento da campanha de reciclagem Consumo Consciente, seguido pela apresentação do coral Fiocruz e um bolo comemorativo.