Publicado em 22/10/2019.

Por Maria Fernanda Romero

 

Fotos: Arquivo Pessoal

Entre os dias 6 a 9 de outubro, o Setor de Produtos Não Estéreis do Departamento de Microbiologia (DM) representou o INCQS/Fiocruz na 30ª edição do Congresso Brasileiro de Microbiologia (CBM), em Maceió (AL). Dois trabalhos foram apresentados, nas categorias ‘Microbiologia Clinica’ e ‘Infecção Hospitalar e Microbiologia Ambiental’.

Participaram do congresso Joana Angélica Barbosa Ferreira e Debora Ribeiro, do DM, e a aluna Priscila Rodrigues de Jesus, do Programa de Pós-Graduação em Vigilância Sanitária (PPGVS).

A equipe apresentou dois trabalhos, intitulados: Monitoramento da qualidade da água em serviços de diálise móvel em unidades de terapia intensiva na cidade do Rio de Janeiro e Perfil microbiológico das plantas medicinais alumã (Vernonia condensata), capim-limão (Cymbopogon citratus), carqueja (Baccharis trimera), curcuma (Curcuma longa) e guaco (Mikania glomerata) no Rio de Janeiro de 2017 a 2019.

O evento foi composto por cursos, mesas redondas e palestras técnicas.

Organizado pela Sociedade Brasileira de Microbiologia (SBM), o CBN é um dos mais importantes eventos da área. Por isto, se torna uma oportunidade para levar o nome do INCQS e para trazer conhecimentos aplicáveis à rotina de trabalho, como destacou Joana Angélica, que é chefe do Setor de Produtos Não Estéreis:

"A participação em eventos como este Congresso nos permite a divulgação cientifica das pesquisas realizadas no Instituto e a troca de experiências e saberes com as outras instituições científicas", declarou.

A estudante Priscila concordou com Joana e acrescentou: 

"Aprendemos por meio da observação e discussão dos diferentes trabalhos apresentados, das informações expostas nas palestras e do aceso às novas tecnologias da área, disponíveis nos stands do evento. Uma parte importante do meu processo de formação é poder divulgar os resultados de meus trabalhos e compartilhar onhecimentos com diversos pesquisadores de microbiologia".