Publicado em 18/10/2018.
Por Penélope Toledo (INCQS/ Fiocruz)

Foto: Pedro Gonçalves (INCQS/ Fiocruz)

Os trabalhadores e trabalhadoras do INCQS vieram trabalhar vestidos com roupa rosa no dia 16 de outubro, em apoio à Campanha Outubro Rosa, de combate ao câncer de mama.

A ação integra um conjunto de iniciativas institucionais que visam dar destaque à importância da campanha, iniciada na década de 1990, e que tem como objetivo estimular a participação da população no controle do câncer de mama, bem como chamar atenção para a necessidade do diagnóstico precoce.

Imagens: Sérgio Reis (INCQS/ Fiocruz), Peter Iliev (CCS/ Fiocruz) e Pedro Gonçalves (INCQS/ Fiocruz)

Além de fotografar seus profissionais vestidos com a cor do Outubro Rosa, o Instituto disponibilizou em seu site um link  com informações sobre o tema, distribuiu internamente as fitinhas da campanha, iluminou sua fachada de rosa – a exemplo do castelo da Fiocruz - e promoverá uma palestra, em 30 de outubro, com a sanitarista do Instituto Nacional do Câncer (Inca), Mônica de Assis.

O câncer de mama é um problema sério, sendo o mais incidente na população feminina mundial e brasileira, excetuando-se os casos de câncer de pele não melanoma, embora também vitimize homens.

De acordo com o Inca, São quase 60 mil novos casos por ano, sendo que 50% são diagnosticados em estágio avançado. O número de óbitos é cerca de 15 mil.